Um dos primeiros passos para uma vida financeiramente saudável e estável é eliminar as dívidas!

Normalmente, as pessoas têm dívidas como cartões de crédito, créditos pessoais e crédito automóvel, entre outros. Estas dívidas apresentam valores relativamente baixos em comparação com o crédito à habitação, no entanto apresentam taxas de juro bastante elevadas!

Num momento de maior instabilidade, em que surja algum imprevisto financeiro, estas “pequenas dívidas” podem te levar a uma situação financeira complicada. Pelo que num momento em que tenhas algum dinheiro extra e, portanto, te sobra dinheiro ao final do mês tens de aproveitar para pagar estas dívidas!

Neste sentido, partilhamos dois métodos para começares a aplicar e eliminares as dívidas:

Método da Avalanche

No Método Avalanche tens de listar todas as tuas dívidas, e ordenar em ordem crescente da taxa de juro. Posteriormente começas por pagar as dívidas com maior taxa de juro, uma vez que os créditos com maior taxa de juro são aqueles em que quando pagas a prestação. Nestes casos a maior parte do montante serve para pagar os juros, mas não para amortizar o capital.

Vamos a um exemplo prático:

Tipo de CréditoTaxa de Juro
Crédito Automóvel8%
Cartão de Crédito15%
Crédito Pessoal18%

Neste caso começarias por alocar o teu dinheiro extra ou poupança para pagar o crédito pessoal, e depois de terminares partes para o cartão de crédito e por fim o crédito automóvel.

A principal vantagem deste método é de facto permitir eliminar as dívidas que mais te prejudicam, ou seja, aqueles em que pagas juros mais elevados. Por outro lado, a aplicação deste método poderá levar a que o devedor demore mais tempo a liquidar cada crédito, pelo que poderá levar a uma desmotivação.

Deste modo, trata-se de um método que poderá não ser mais adequado a pessoas que se desmotivem rapidamente.

Método Bola de Neve

Neste método listas as tuas dívidas por montante em dívida e começas por liquidar as dívidas com montante mais baixo. Este método é o que poderá ser o mais eficiente e motivante, porque muito rapidamente consegues ver efeitos por eliminares a dívida menor. Logo, este feito gera uma motivação para avançares para as outras.

Considerando o seguinte cenário:

Tipo de CréditoValor em Dívida
Crédito Automóvel6.000€
Cartão de Crédito500€
Crédito Pessoal1.200€

Nesta situação, começarias por pagar o cartão de crédito, depois o crédito pessoal e por fim avançavas para o carro.

Este método tem como principal vantagem permitir ter resultados mais rapidamente, ou seja, começando pelo crédito de menor montante é mais fácil ir-se eliminando as dívidas. Este fator é bastante relevante, uma vez que tem uma componente motivacional elevada.

Por outro lado, a principal desvantagem deste método consiste em não se eliminar os créditos que poderão ser mais prejudiciais por apresentarem taxas de juros superiores.

Conclusão

Concluindo, deves avaliar qual o melhor método para a tua realidade, sendo que o importante é começares o quanto antes a eliminar as dívidas. Quanto menor a dívida, mais dinheiro disponível tens, e mais rapidamente podes começar a pensar em aumentar o teu património e viver uma vida estável.

Não existe um método perfeito, pelo que se fores uma pessoa que pretende ver resultados rápidos deverás optar pelo Método Bola de Neve. Caso contrário, deverás optar pelo Método Avalanche, uma vez que é o método que te permite poupar mais dinheiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *